quinta-feira, 18 de julho de 2024

As crônicas emocionantes de Ana Cláudia

 

Cenas do cotidiano, memórias e reflexões são os principais temas das mais de cem crônicas publicadas no livro “A Menina Que Eu Não Abracei”, que a jornalista e escritora Ana Cláudia Rocha lançou no dia 29 de novembro. Com seus textos, a autora faz aflorar emoções também em seus leitores ao expor seus sentimentos. A obra marca a estreia de Ana Cláudia Rocha na literatura. O coquetel de lançamento reuniu 200 convidados no espaço Maktub Festas. O título da obra, também título de uma crônica, surgiu antes do livro começar a ser escrito, quando a autora assistiu a uma cena triste entre mãe e filha. Segundo ela, as crônicas a libertaram da ansiedade provocada pela pandemia. “Escrevendo, eu me libertava e me curava de tantos males”, afirma Ana Cláudia Rocha. Com mais de 30 anos de atuação no Jornalismo, a autora passa a se dedicar também à literatura. Ana Cláudia Rocha ocupa a cadeira número 4 na Academia Corumbaense de Ciências, Letras, Artes e Música. Tem textos publicados em coletâneas como os livros “Campininha das Flores”, “Histórias de Ternura” e “Memórias de Rocha – Vida e Obra de Benedito Odilon Rocha”.

FOTO: A jornalista e escritora Ana Cláudia Rocha e Vera Gomes / Raylane Abreu

Serviço:

Livro: A Menina Que Eu Não Abracei

Autora: Ana Cláudia Rocha

Editora: Kelps

Gênero: Crônica

Páginas: 296

Vendas: com a autora

Avatar

Este post foi escrito por: Britz Lopes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta