quinta-feira, 18 de julho de 2024

Café com Sueli Arantes

 

Premier

Com o governador Ronaldo Caiado cada vez mais focado na reeleição, o secretário Adriano Rocha Lima torna-se o braço direito caiadista e atua como um primeiro-ministro no governo do Estado. Rocha Lima, aliás, deve ser o novo titular da Secom, com a iminente saída de Gean Carvalho. Caiado, porém, é o dono da última palavra nas principais ações da administração, cabendo ao auxiliar executar as determinações.

 

Favoritismo

O governador Ronaldo Caiado segue firme e forte na sucessão estadual. Ele é o favorito na campanha pela reeleição, contando com o apoio de um exército de, ao menos, 207 prefeitos, um batalhão de deputados estaduais e federais. A oposição ainda não conseguiu se organizar de forma a ameaçar a hegemonia caiadista

 

Assédio

O ex-governador Marconi Perillo é cortejado pelas turmas de Lula e do presidente Jair Bolsonaro, que buscam apoio em Goiás para a dura campanha presidencial que vem pela frente. Marconi, porém, segue sem definição e reafirma que vai com (o até agora) candidato do PSDB, João Doria.

 

Save date

O ex-senador Wilder Morais anuncia o lançamento da sua pré-candidatura ao Senado pelo PL para o dia 14 de maio. E promete a presença do presidente Jair Bolsonaro.

 

Overbooking

Verdadeira sinuca de bico a definição do candidato ao Senado pela base caiadista em Goiás. Muitos nomes e partidos reivindicam a vaga e a solução pode ser o lançamento de candidaturas avulsas.

 

Em campanha

Ex-prefeito de Aparecida e pré-candidato ao governo de Goiás pelo Patriota, Gustavo Mendanha colocou o pé na estrada para articular apoios. Por onde passa, segundo interlocutores, tem deixado boa impressão.

 

Retaguarda

Marqueteiros baianos e o publicitário Gean Carvalho devem cuidar campanha da reeleição do governador Ronaldo Caiado. Jorcelino Braga será o mentor da propaganda de Gustavo Mendanha. O deputado Vítor Hugo, do PL, está indefinido sobre quem cuidará do marketing eleitoral dele.

 

Mosca azul

O presidente da Assembleia, Lissauer Vieira, tomou gosto pela disputa ao Senado, depois de ser lançado ao cargo pelo chefe do PSD em Goiás, Vilmar Rocha.

 

Foto Adriano: desenvolvimento.go.gov.br

Avatar

Este post foi escrito por: Sueli Arantes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta