sábado, 18 de maio de 2024

Exposição de cerâmicas une tradição e modernidade

 

A cerâmica enquanto arte que resgata um dos ofícios tradicionais mais antigos da humanidade. É o que propõe a individual “Oceano Interior”, de Tiago Paiva, que entra em cartaz nesta quarta-feira 10 de abril, na Vila Cultural Cora Coralina, unidade da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). A entrada para o coquetel de inauguração, a partir das 19 horas, é 1 kg de alimento não perecível.

 

A mostra reúne peças com identidade forte e marcante. Trazem desde mamíferos e invertebrados exóticos e enigmáticos, a formas orgânicas e geométricas. De acordo com Tiago Paiva, as cerâmicas exploram a fusão entre técnicas tradicionais e elementos modernos. “São obras que buscam transmitir uma narrativa única que dialogue com o público, a fim de levantar questionamentos sobre si mesmo, ciência, criatura e criador, tudo pela busca de compreensão”, detalha o artista.

 

A exposição, além de destacar a cerâmica como uma forma de arte, também a homenageia enquanto um dos ofícios tradicionais. “Essa abordagem incentiva a preservação e a continuidade dessas práticas, valorizando nossas tradições”, destaca Tiago.

 

“Oceano Interior” está montada na Sala Antônio Poteiro. O período de visitação se estende até 5 de maio. A Vila Cultural Cora Coralina funciona de segunda-feira a domingo, das 9 às 17 horas. A entrada é gratuita.

 

 

Sobre o artista

Natural de Ribeirão Preto (SP) e criado em Ilhabela (SP) até os doze anos, Tiago cresceu cercado por natureza e, ainda criança, se mostrou um desenhista dedicado, fez criações com cerâmica esmaltada e teve seus primeiros contatos com artistas.

 

Tiago consolidou-se como tatuador profissional em Goiânia (GO), especialista em realismo, com diversos prêmios, com reconhecimento nacional e 25 anos de experiência. Há 15 anos, retomou o trabalho de esculturas em argila e esmalte de primeira qualidade, que são finalizadas em forno trifásico de alta temperatura.

 

Serviço

Exposição  “Oceano Interior”

Inauguração: 11/04 às 19 horas

Período de visitação: 12/04 a 05/05

Vila Cultural Cora Coralina – Sala Antônio Poteiro R. 3, s/n – St. Central – Goiânia (Sala Antônio Poteiro)

Funcionamento: de segunda-feira a domingo, das 9 às 17 horas

 

Fotos: Studio Xaxim Fotografia

Com: Secretaria de Estado da Cultura – Governo de Goiás

 

Avatar

Este post foi escrito por: Britz Lopes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta