segunda-feira, 17 de junho de 2024

Jardim Botânico ganha novas orquídeas e bromélias

 

A Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater) fez doação da coleção de bromélias e orquídeas que mantinha na sede para o Jardim Botânico de Goiânia. A ação é uma parceria entre a Emater e a Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma).

 

A iniciativa tem como objetivo a preservação e a conservação das espécies de bromélias e orquídeas que foram coletadas por nossos pesquisadores e extensionistas da Agência no cerrado goiano ao longo de dez anos.

 

 

A diretora de Pesquisa Agropecuária da Emater, Maria José del Peloso, destaca a importância desta parceria. “Essa doação simboliza a nossa missão enquanto uma instituição pública de pesquisa que é a de socializar o conhecimento adquirido com nosso trabalho com a sociedade”, pontuou a diretora.

 

 

De acordo com a pesquisadora da Agência, Maurízia de Fátima Carneiro, é uma coleção biológica de plantas que foi catalogada ao longo de dez anos e mantida aqui na Emater. “Este é um acervo de bromélias e orquídeas coletadas exclusivamente no cerrado do estado de Goiás e tenho certeza que elas serão preservadas e conservadas porque estarão em excelentes mãos”, explicou.

 

 

“É uma responsabilidade muito grande receber um acervo tão grande e especial como este aqui da Emater. Vamos conservar esse patrimônio, que agora passa a ser patrimônio público de toda a sociedade goiana, com responsabilidade, cuidado e muito zelo”, afirmou o gerente do Jardim Botânico Fabrício Bonfim, que acompanhou a retirada das plantas.

 

 

De acordo com o coordenador operacional técnico do Jardim Botânico, Darivan da Rocha Nogueira, as plantas serão preservadas seguindo critérios naturais. “O processo de preservação será integrá-las no paisagismo do jardim, utilizando elementos como pedras e areia, visando reproduzir ao máximo o habitat natural destas espécies”, contou.

 

Com: Comunicação Social da Emater Goiás

 

Avatar

Este post foi escrito por: Britz Lopes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta