sábado, 18 de maio de 2024

Mulheres em transformação, uma roda de conversa

Temas como transição de carreira, empreendedorismo feminino, moda, decoração e literatura serão abordados na Roda de Conversa Transformação, que será realizada no dia 24 de fevereiro, às 18h30, no Studio Karine Brasil. O encontro é organizado pela designer de acessórios Karine Brasil e pela jornalista e escritora Ana Cláudia Rocha. Elas comandarão uma mesa redonda que terá como participantes a consultora de estilo Renata Prado e a designer de interiores Ráisa Guerra, do perfil Mania de Decoração.
Dentro da programação do encontro, Karine Brasil lançará coleção de semijoias trabalhadas com cerâmica e Ana Cláudia Rocha relançará seu livro A Menina Que Eu Não Abracei, que foi lançado no fim do ano passado. As convidadas também poderão degustar petiscos e drinks de parceiros do evento.
As quatro profissionais falarão sobre as transformações em suas vidas após a transição de carreira. As participantes do encontro poderão trocar experiências e acompanhar as dicas profissionais das palestrantes. Elas afirmam que a transição de carreira surge após longos e inquietantes questionamentos e busca pelo autoconhecimento. A mudança pode promover melhor aproveitamento da capacidade intelectual. Elas revelam que o impulso para a mudança surge da necessidade de ouvir o coração e realizar o que ele deseja para atingirem o bem-estar pessoal.
ENCONTRO:
Transformação
QUANDO
Dia 24/02/2023
Às 18h30
ONDE
Studio Karine  Brasil
Rua 114, 70, Setor Sul
Entrada franca
MEDIADORAS
Karine Brasil 
A goiana Karine Brasil, formada em Administração em Turismo, passou pela de transição de carreira depois de iniciar seu processo de autoconhecimento e autoaceitação, mergulhou na prática da cerâmica e tornou-se designer autoral em acessórios. Lançou-se no mercado em 2019 e, de lá para cá, participou de diversos eventos na área de Design e Moda, incluindo Casa de Criadores e São Paulo Fashion Week. Recentemente, abriu seu próprio estúdio, com showroom e ateliê, onde pretende ser uma agitadora cultural, promovendo vários eventos e abrir espaço para que artistas possam divulgar a arte.
Ana Cláudia Rocha
Depois de se dedicar por 33 anos ao Jornalismo, a goiana Ana Cláudia Rocha, formada pela UFG, realizou o sonho de escrever e lançar um livro. A Menina Que Eu Não Abracei reúne mais de cem crônicas sobre o cotidiano escritas nos últimos anos. De uma certa forma, ela já exercia a literatura em coletâneas de autores e até mesmo nas reportagens que escrevia. Em 2022, Ana Cláudia tomou posse na Academia Corumbaense de Ciências, Letras, Artes e Música, na cidade de Corumbá de Goiás. No Jornalismo ela segue com atuação autônoma, mas é na literatura que ela se propõe exercer maior dedicação a partir de agora.
CONVIDADAS
Ráisa Guerra
Ráisa Guerra é jornalista formada pela UEL e designer de interiores pela UFG. Criadora do canal Mania de Decoração, que possui mais de 2 milhões de seguidores em suas redes, produz conteúdos focados no estilo “faça você mesmo”, com vídeos-tutoriais ensinando como decorar a casa com criatividade. O lema do Mania de Decoração é “Inspirar pessoas comuns a criarem coisas incríveis”. Para isso, as soluções apresentadas nos vídeos mostram como transformar objetos comuns do dia a dia, a que todos têm acesso, em decorações lindas e práticas para a casa.
Renata Prado 
Mineira, Renata Prado é consultora de moda, estilo e imagem. Em seu blog, escreve sobre moda que impacta, feminismo, filhos, empreendedorismo, ideias e ideais. Usa a moda como ferramenta de transformação em consultoria de moda personalizada, com ações como análise de coloração pessoal, cursos, treinamentos, palestras e assessoria em compras. Descomplicar o armário, descobrir o próprio estilo, aprender a usar a roupa como linguagem são focos da consultoria. Antes formada em Ciências Biológicas, Renata tem mestrado e doutorado na área da saúde. A transição de carreira não foi um ato de coragem, mas uma atitude necessária para não morrer fazendo o que não a movia.

Avatar

Este post foi escrito por: Britz Lopes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta