domingo, 21 de abril de 2024

Nas águas esmeraldas do Mar Adriático

A combinação de praia com mar limpo verde-esmeralda, arquitetura urbana de extraordinária beleza e gastronomia fora do comum tem nomes no Sul da Itália: Polignano a Mare e Monopoli.

 

 

As duas cidades estão a dez minutos de distância e devem ser seriamente consideradas quando o assunto é verão na costa Ocidental do Mar Adriático. Não existe pé na areia, como é convencional no Brasil, pois as praias são de pedras soltas e escorregadias. Nada que altere o prazer que degustar o sol em águas relativamente mornas e calmas.

 

 

Polignano a Mare é bem maior do que a vizinha Monopoli, com fluxo mais intenso de turistas. No entanto, em termos de praia, a segunda cidade tem melhores recursos, além do custo de hospedagem ser menos oneroso. Para dizer a verdade, apesar de Monopoli ser administrativamente subordinada a Polignano a Mare me pareceu bem mais interessante especialmente por não ter a turistada desvairada.

 

Acredito que dois a três dias são suficientes para o exaurimento das duas cidades. Um  conselho: em Monopoli é preciso ficar atento ao fechamento do horário de almoço dos restaurantes. Antes das 15 você poderá seguir os rumos dos habitantes da espetacular cidade e cair matando no peixe do dia a preço de comida de mercado.

 

Procure os restaurantes menores, não deixe de beber o vinho da Puglia e tenha seu lugar ao sol em meio a uma gente simples e simpática. Na Puglia sempre é importante ficar atento aos preços do cardápio e conferir o troco até no caso do solitário café expresso. Há risco grande de se tomar uma volta.

 

 

Marcio Fernandes é jornalista

Fotos: Marcio Fernandes

Avatar

Este post foi escrito por: Marcio Fernandes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

1 comentários em "Nas águas esmeraldas do Mar Adriático"

Deixe uma resposta