sexta-feira, 12 de abril de 2024

O Fado das Dúvidas e os trigais do Leste Europeu

 

Marcio Fernandes – E lá vou eu de novo de trem pelo Leste Europeu. Deixei ontem Viena em direção a Katowice, Polônia. Os trigais da República Tcheca confirmam o quanto são férteis estes campos e lembram o pão nosso de cada dia da única oração que conheço!

 

No trem há muitos mochileiros. Normalmente, temos uma identificação natural, mas hoje estou no modo indisponível! Estou por conta só do Madredeus e às vezes caio sobre La Madrastra II que me dá colo para soninho precioso para que passe logo tempo da viagem! O Fado das Dúvidas veio me falar de muitas coisas que não sei e se ainda posso sonhar nesta altura do campeonato!

 

 

O plano era ir de Katowice para Auschiwitz-Birkenau! Deu tudo errado, pois era imprescindível agendamento e não havia ingresso para hoje! Mesmo que rolasse eu não iria. Não faço visita guiada e em grupo nem para ganhar dinheiro! Não deu Sururu! Você sabe que se fosse em outra época estaria muito triste, mas a fila agora só anda! Estou preparando a volta para casa! Vou levar presente para você!

 

Katowice é uma roubada grande sem nada de atrativo e muita gente desocupada e drogada nas ruas. O almoço/jantar foi uma das coisas que mais odeio chamada pizza! Imagina pizza siciliana preparada em cidade desqualificada do interior da Polônia!

 

 

Hoje eu acordei às 5h33 com muita vontade de ouvir Altemar Dutra. Sentimental eu sou! Espetáculo! Depois avancei para Carlos Galhardo na magistral interpretação de Malandrinha. O Brasil era um país muito mais interessante quando tinha O Baile da Saudade de Francisco Petrônio em vez do lixo cultural contemporâneo de Anitta e assemelhados!

 

Em nome Trio Irakitan tenho de positivar antecipadamente o bolero, esta música de sonoridade espetacular da querida América Latina. Imagino ser super positivo a mexicanizacão do Brasil! O país iria encontrar a boa governança e melhorar absurdo se fosse administrado por crooner de banda Mariachi! Em médio prazo poderíamos fechar Brasília e transferir todos esses malandros do Planalto Central para nova capital do Brasil a ser erguida na periferia de Tijuana. Espetáculo de cidade de onde se avista a curta distância o sonho americano!

 

 

É fácil traduzir para o inglês a palavra saudade! Tem um verbo para isso meio impessoal. Difícil é fazer um anglo-saxão entender a sentimentalidade do advérbio! Eles não têm noção do que isto significa em razão do hábito de não demonstrar sentimento! A propósito, bateu crise de Síndrome de Asperger por conta de chineses que se sentaram justamente ao meu lado, para variar, fazendo muito barulho com os talheres e a boca! Caraca!

 

Estou em Cracóvia, no Sul da Polônia. Imaginei que as sequelas abertas do Holocausto tivessem convertido a cidade em mórbido sítio histórico de lamentação! Nada disso! Cracóvia tem aroma de alma viva e o judaísmo está presente em todos os lugares, especialmente nos ambientes cultural e religioso. Marcelinho, venha que você gostar muito das livrarias da cidade! Entre os dias 28 de junho e 2 de julho vai acontecer por aqui o mega 32° Festival de Cultura Judaica, com alguma coisa próxima de 100 apresentações!

 

 

Aliás, em Cracóvia, os bares de jazz com música ao vivo estão por todos os lugares e há percepção de que a música é parte indivisível desta linda cidade! Da minha viagem também! Depois de ouvir Vicente Celestino, dei uma guinada para Ace of Base, senhora banda sueca!

 

Desci do trem e tomei rumo a pé da estação para o centro da cidade sem hospedagem reservada. Me instalei em hotel simpático pelo preço e fui tomar chá antes de conquistar Cracóvia! Dei um banho grande em minha bota no chuveiro e agora irei para restaurante grego mandar grande salada de feta e churrasquinho com batata! Se tiver arroz, a tendência é de alterar tudo!

 

 

Vamos positivar o pessoal com muita carga positiva! A redundância neste setor não excede e vem muito a calhar!

 

O primeiro positivo vai empresa que administra os trens domésticos da Polônia! As composições são novas, muito limpas e a passagem é barata demais! Parabéns pessoal!

 

O segundo positivo vai para Waldick Soriano! Cara, hoje de manhã eu tive uma recaída e você me socorreu grande! Obrigado!

 

Agora vou positivar a Ledinha Paz e Amor! Estou no desespero pelo melhor frango caipira do Brasil! Não se preocupe com feijão tropeiro! Obrigado pelo queridísmo expressivo!

 

Preciso enviar um positivo especial para Ênio Sá! Cadê você, bicho? Temos de nos encontrar na sua chácara, colocar a conversa em dia e matar a saudade do Watson!

 

Por fim, eu vou mandar um positivo para a galera do carteado da casa de Maria Tereza. Se eu sobreviver, irei à festa no sábado! Nancy e Michele estou de olho em vocês! No Pasarón!

 

Texto e fotografias Marcio Fernandes!

 

 

A música de hoje é sugestão da Bel! Com vocês Elephant Gun, da muito debochada banda Beirut!

Avatar

Este post foi escrito por: Marcio Fernandes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

8 comentários em "O Fado das Dúvidas e os trigais do Leste Europeu"

  • Avatar Isabel disse:

    Texto sensacional! Bonito ver vc descrever tudo do bom e do pior com muita elegância e bom humor!

  • Avatar Américo Vasconcelos disse:

    Pois é Márcio, imagine o que eu encontrei em 1989 no trem de Praga para Budapeste. O muro de Berlim havia caído não tinha uns 06 meses. Qualquer uma dessas “ex-colônias” soviéticas só se falava, como língua estrangeira, o Russo. Foi assim que a mímica falou mais alto. Num restaurante em Budapeste imitei uma galinha, para fazer-me entender que queria jantar uma penosa. Foi uma experiência hilária e única

    • Avatar MARCIO FERNANDES disse:

      Que maravilha, Américo! Naquele tempo eu só viajava pelo Brasil! Hoje na Polônia só a nova geração fala inglês! Eu descobri um tradutor no google que tem ajudado muito! Não foi fácil lavar a roupa hoje, mas o sucesso foi praticamente total! Abraço!

  • Avatar MARCIO FERNANDES disse:

    Só besteirol, Bel! Obrigado!

  • Avatar Cazuza disse:

    Parabéns Márcio pela novas fotos de lugares bem diferente do nosso Brasil, mais também muito belo. Abraço

    • Avatar MARCIO FERNANDES disse:

      Obrigado, grande Cazuza! Você que tem o privilégio de estar sempre próximo da Nina! A mais linda menina do Brasil!

  • Avatar Márcio de Abreu disse:

    Excelente matéria, parabéns

Deixe uma resposta