sábado, 18 de maio de 2024

 Piri Festival com Zé Ramalho e Tribo de Jah

 

Zé Ramalho e Tribo de Jah são as principais atrações do Piri Festival 2023, no Cavalhódromo de Pirenópolis, dias 21 e 22 próximos. Os Dj’s Fabricio Roque, Thiago Jesus, Pedro Volt e a Banda Mandingaman completam a grade musical do festival.

 

 

Inquieto e produtivo, depois de lançar um sugestivo Box de 4 CDs com o título de O Garimpo das Raridades, em setembro de 2022, Sé Ramalho presenteia seus fãs com um novo trabalho de músicas inéditas Ateu Psicológico, seguindo revigorado com sua viagem mística e eterna.

 

Desde o lançamento do primeiro álbum solo do artista paraibano, há mais de quatro décadas, que emplacou de cara o hino Avohai, foram gravados mais de 30 álbuns alcançando a expressiva marca de 6 milhões de cópias vendidas.

 

O álbum 20 Anos – Antologia Acústica é seu maior êxito comercial até hoje e vencedor do Prêmio Sharp pelo projeto gráfico. Este disco deu início a uma trilogia que seguiu com Nação Nordestina, um mapeamento da história musical e política da sua região natal, indicado ao Grammy Latino de melhor álbum regional e, Estação Brasil, um passeio pelo cancioneiro nacional.

 

Ao lado dos amigos Elba Ramalho, Geraldo Azevedo e Alceu Valença, Zé protagonizou em 1996, um dos projetos mais bem-sucedidos da música brasileira, O Grande Encontro, que levou multidões aos shows em todo o país e gerou o lançamento de um disco ao vivo, vendendo mais de 700 mil cópias. A continuação do projeto, rendeu outras duas turnês vitoriosas e 2 CDs, que alcançaram a marca de 1 milhão de unidades. A tour 2023 traz Zé Ramalho revisitando seus maiores sucessos mantendo o respeito da crítica especializada, em rara unanimidade.

 

ZÉ RAMALHO & BANDA Z

 

Rogério Fernandes: Contra – Baixo

Zé Gomes: Percussão

Vladimir Oliveira: Teclados

Edu Constant: Bateria

Toti Cavalcanti: Sopros

 

 

 

História da Tribo — A história da banda Tribo de Jah iniciou-se na Escola de Cegos do Maranhão, onde se conheceram os quatro músicos cegos e um quinto músico com visão parcial, lugar em que viviam em regime de internato, começaram a desenvolver o gosto pela música improvisando instrumentos e descobrindo timbres e acordes. Posteriormente passaram a realizar shows nos bailes populares da capital (São Luiz) e outras cidades do interior do estado fazendo covers de seresta, reggae e lambada.

Foi neste momento que surgiu o radialista Fauzi Beydoun, nascido em São Paulo, filho de italianos com libaneses, que já havia morado quatro anos na Costa do Marfim (África), grande aficionado pela cultura reggae a qual era efervescente em São Luis nos anos 80, e que se tornou um fenômeno quase inexplicável nas terras brasileiras do Maranhão, invadindo inicialmente os guetos para depois tomar toda cidade, o interior do estado e até os estados vizinhos.
SERVIÇO:

 

“Piri Festival 2023”, com shows de Zé Ramalho (dia 21/7) e Tribo de Jah (dia 22/7), no Cavalhódromo de Pirenópolis

Datas:

Sexta-Feira, 21 de Julho: Zé Ramalho + Dj´s Fabricio Roque, Thiago Jesus e Pedro Volt.

Sábado, 22 de Julho: Tribo de Jah + Mandingaman + Dj´s Fabricio Roque, Thiago Jesus.

Horários: Abertura da casa 18h / Apresentação principal: 22h

Local: Cavalhódromo – Centro Histórico de Pirenópolis. Rua 21 de Abril 10 – Vila Anduzeiro, CEP: 72980-000 – Pirenópolis/GO
Classificação: Livre

Ingressos disponíveis (com opções de meia entrada solidária e casos previstos por Lei) em: https://www.alphatickets.com.br/Detalhes.aspx?event=2A2C981B-CE4D-4A6F-89FF-2F1AA176BDB7&hostname=&dt=20230619141521

 

Com: Kadu Faria

Foto de Zé Ramalho: Leo Aversa

Foto Tribo de Jah: Divulgação

Avatar

Este post foi escrito por: Britz Lopes

As opiniões emitidas nos textos dos colaboradores não refletem necessariamente, a opinião da revista eletrônica.

Deixe uma resposta